728 x 90
[lbg_audio8_html5_shoutcast settings_id="1"]

AUSTERIDADE.

Nestes últimos dias, em especial os órgãos de comunicação do Estado de Rondônia, têm levado ao conhecimento de nossa gente, os absurdos que nossos vereadores têm gastos  de um modo geral,  em especial no que diz respeito aos valores gastos com diárias, sabemos sim que é legal, mas face a situação que estamos vivendo,no mínimo é imoral, pois todos sem exceção sabem o quanto o povo brasileiro tem sido penalizado em serviços  essenciais,  tendo em vista a falta de recursos tanto para os estados como para os municípios, estes que fazem das tripas o coração,  para servir a comunidade, se não com um serviço de  excelência, pelo menos com um serviço dentro do padrões de um povo devidamente civilizado.

Tendo sido eles eleitos, para realmente mudar a história de Jaru,diante das péssimas administrações que por ai passaram, que a bem da verdade fizeram o nosso município perder o bonde da história, o prefeito Joãozinho, já publicamente tem demonstrado  austeridade em relação aos gastos públicos, bem como tem sido combativo a sonegação do pagamento de impostos por parte da população, isto lhe causando até um certo constrangimento, pois como  prefeito do município, não pode incorrer no erro de eximir-se de responsabilidades que amanhã poderão lhe causar sérios problemas frente a justiça, daí então ser necessário, que a maquina administrativa no que concerne a arrecadação, e outros serviços, cumpra com suas obrigações,  conforme determinam as leis vigentes.

Com certeza, ainda não somos o município que sonhamos, mas muitas coisas estão sendo encaminhadas para que gestores futuros peguem uma prefeitura mais enxuta, mais organizada, o queirá facilitar em muito a vida daqueles que poderão vir a administrar o município.

Neste mesmo espírito, e com discursos dentro desta linha de atuação do prefeito, os nossos  vereadores na sua maioria foram eleitos, massuas atuações no que tange seguir a austeridade executada pelo prefeito, tem ficado muito a desejar, e isto fica muito claro no momento em que a população passa a ter conhecimento dos gastos com diárias, pois sabemos nós, que  muitas vezes o intuito é realmente fazer o uso da diárias como simples complementação salarial, pois se os mesmos usarem estas diárias apenas para a capital do Estado, terão um aumento de aproximadamente 2 mil reais a mais em seus já bons salários, que se situam na ordem de 6.400 reais mês, juntando-se  tudo isto a  outros benefícios,  próprios do exercício do cargo.

Quando estas diárias são pagas para a capital federal, digo Brasília, some-se a estas o custo das passagens aéreas, que com certeza suas excelências não debruçam-se frente a  internet, procurando as de mais baixo valores,como é próprio de nós meros mortais, isto por que o preço    maior ou a menor, nada lhes representam, afinal é o povo que paga.

Em assim sendo, e já tendo em vista que no próximo biênio o presidente daquele poder, continuará o mesmo, dificilmente haverá mudanças, a não ser que o povo decida, realmente colocar os pés no chão, e exigir através de  manifestações, que um basta seja dado a farra das diárias, e que ainda por cima exija sim, a diminuição do número de vereadores, que com certeza vão bem além, da nossa real necessidade,se comportamos nove, então por que 15?

Sendo assim, se hoje apalavra é AUSTERIDADE,  com os gastos públicos,que entre a câmara municipal de Jaru em campo, para começar  a ser exemplo para as demais.

Comentarios

os comentaio sao de sua problia responsabilidade *

Novidades